EXCLUSIVO: Gladson, Flaviano e Jarude conversam sobre as Eleições de 2022 em Brasiléia

EXCLUSIVO: Gladson, Flaviano e Jarude conversam sobre as Eleições de 2022 em Brasiléia

Nesta sexta-feira, dia 02, o governador Gladson Cameli conversou sobre as Eleições de 2022 com o deputado federal Flaviano Melo, o vereador de Rio Branco, Emerson Jarude, e o secretário do MDB, Pádua Cunha. O encontro ocorreu em um hotel de Brasiléia, no interior do Acre, e não estava na agenda do chefe do Palácio Rio Branco.

A conversa, que durou cerca de 25 minutos, contou com a presença do progressista e dos emedebistas, e ocorreu dois dias após o senador Márcio Bittar acender a luz amarela e ameaçar abandonar o grupo político que apoia a reeleição de Gladson Cameli. Além disso, o MDB discute desde o início da semana se deve ou não lançar uma chapa majoritária completa e “puro sangue” nas próximas eleições.

Cameli questionou, falou em voz baixa que precisava do apoio de todos para continuar tocando o Acre. Também perguntou se o MDB teria intenção de apresentar candidato ao governo - como se cogita nos bastidores-, e ouviu do deputado federal Flaviano Melo que o partido continuará, como já havia sido informado, na base do governo. Minutos após, em conversa com o Notícias da Hora, o deputado disparou: “Se o Gladson for candidato no ano que vem a governador, eu estou com ele! Eu sou governo e estou com o Gladson!”.

O vereador Emerson Jarude, que teve o nome cogitado para compor uma possível chapa majoritária pelo MDB, também diz desconhecer a suposta candidatura. “O que se sabe é que o partido está na base do Gladson Cameli e continuará assim enquanto essa for a decisão do partido. O MDB tem nomes, mas a decisão é seguir apoiando o governo”, frisa o vereador, que acompanha o deputado no interior do estado.