Nomeação de Socorro Neri incomoda servidores da SEE: “muito arrogante!”

Nomeação de Socorro Neri incomoda servidores da SEE: “muito arrogante!”

O início do expediente na Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (SEE) nesta terça-feira, dia 04, não poderia ser diferente: só se fala da nomeação da ex-prefeita de Rio Branco, Socorro Neri. Nos grupos de mensagens instantâneas, os comentários não são nada animadores.

Apesar de negar publicamente, em várias oportunidades, que embarcaria no governo Gladson Cameli, Socorro Neri foi nomeada nesta terça, surpreendendo até os membros do PSB, partido ao qual é filiada e compõe a bancada de oposição na Assembleia Legislativa. “Só soubemos pela imprensa e pelo Diário hoje cedo. Mas acho que o partido continuará como está”, alfineta um membro da Executiva Estadual da sigla.

O temor sobre a chegada de Socorro Neri é, segundo os profissionais da sede administrativa da pasta, em razão da professora ser “muito arrogante”, característica conhecida desde a Universidade Federal do Acre até os corredores e gabinetes das secretarias municipais por onde Neri passou enquanto prefeita da capital.

“Se ela chegar querendo dar uma de certinha, as coisas vão parar infelizmente”, escreveu um servidor do setor de Transportes da SEE. Outra servidora da Diretoria de Ensino disparou: “A prepotência dela vai causar problemas. Ela pode ser doutora ou o que quiser, mas vocês sabem que precisa ter humildade para conduzir a educação”, avalia.

Socorro Neri assume o lugar de Mauro Sérgio, que deixa o órgão após uma séria de escândalos de corrupção em meio a uma gestão conflituosa. Após uma operação policial, Sérgio pediu férias e viajou. Nesse período ficou ainda mais enfraquecido, e acabou sem o cargo por decisão do governador Gladson Cameli.