Aliados de Gladson Cameli começam a fritar supersecretários numa guerra aberta 

O ex-presidente do Acreprevidência, Alércio Dias criticou parte da equipe do governo de Gladson Cameli. Em sua página em uma rede social, Alércio Dias disse que o governo tem pecado ao não adotar práticas que poderiam beneficiar a população e assim fazer a gestão avançar.

“Penso em tantas práticas que o nosso governo poderia estar adotando e que são travadas pela incompetência de parte de sua equipe”, completa o ex-mandatário do Acreprevidência.

Recentemente, o ex-secretário de Planejamento, Raphael Bastos não poupou críticas ao núcleo econômico e administrativo de Gladson Cameli, numa clara manifestação que “os abençoados do TCE”  que comandam a Casa Civil e a Secretaria de Fazenda tem deixado o Estado ‘amarrado’ e cheio de ‘freios’. 

Ao que parece, Ribamar Trindade e Semírames Dias começam a ser fritados por aliados políticos, que descontentes já lançam olhares para que o governador Gladson Cameli faça uma faxina nessas duas secretarias.