Acre possui quatro cidades com nomes de origem indígena, revela pesquisa do Ipea

Acre possui quatro cidades com nomes de origem indígena, revela pesquisa do Ipea

Um estudo feito pelo pesquisador Rafael Pereira, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), revela que o Estado do Acre possui quatro municípios com nomes indígenas em sua composição. A informação foi publicada pelo jornal Nexo, de circulação nacional.

Xapuri, Tarauacá, Porto Acre e Santa Rosa do Purus compõem a lista e ajudam a formar o conjunto de municípios brasileiros (37,4% do total de 5.570 municípios) que têm nomes de origem indígena em sua composição.

Segundo o estudo, foi considerado a princípio prefixos e sufixos de origem indígena. Porém, cidades que apresentem uma localização que seja palavra de origem indígena também foram incluídas. É o caso de Porto Acre e Santa Rosa do Purus.

Porto Acre - A palavra Acre é proveniente de “Aquiri”, que significa “rio dos jacarés”, na língua dos Apurinãs.

Tarauacá – Tarauacá, na língua indígena, significa “rio dos paus ou das tronqueiras”.

Santa Rosa do Purus – A palavra Purus, significa “gente pintada” e faz referência à nação Pamary que habitava às margens do Rio Purus, já em território amazonense.

Xapuri – O nome Xapuri vem do vocábulo “Chapury”, que significa “rio antes”.